segunda-feira, 27 de abril de 2015

RIGA (LETÓNIA) - O QUE VISITAR


No final do mês de Abril realizámos uma pequena escapadela até à zona dos Países Bálticos e a primeira paragem foi a cidade de Riga. Para muitos, a capital da Letónia não figurará certamente no topo da lista de destinos a conhecer no imediato nem muito menos se apresentará como uma prioridade capaz de fazer frente aos principais pontos turísticos da Europa. Ainda assim acredite que esta cidade merece que lhe seja dada uma oportunidade porque por vezes o melhor e o mais bonito nem sempre é aquele que aparece nas primeiras paginas das revistas. 

domingo, 26 de abril de 2015

FUSHIMI INARI TAISHA E FLORESTA DE BAMBU (JAPÃO)


Já me encontrava no Japão há seis dias e cheguei àquela altura da viagem em que o tempo passa mais depressa do que desejamos. Com tantos locais que queria ainda visitar, olhava para os dias que me restavam e ficava com a sensação de que muito dificilmente conseguiria alcançar os objectivos que havia traçado.

Hoje iria conhecer algumas zonas situadas nas imediações de Kyoto, tendo como primeiro destino o Santuário Fushimi Inari-Taisha também conhecido por santuário dos dez mil toriis.

sábado, 18 de abril de 2015

VISITAR O CASTELO HIMEJI E OS JARDINS KOKO-EN


Apesar de continuar em Kyoto ainda não será hoje que irei conhecer esta cidade.
Por agora interessava-me acima de tudo tirar o máximo partido do meu Japan Rail Pass e, assim sendo, ás nove da manhã já estava pronto para apanhar o Shinkansen que me levaria até a cidade de Himeji
A viagem levou menos de uma hora e assim que abandonei a estação ferroviária avistei quase de imediato o lindíssimo Castelo de Himeji, que sem surpresas é o principal ex-libris da região. Esta antiga fortaleza é um autêntico tesouro nacional, estando mesmo classificado como património da Unesco.

domingo, 12 de abril de 2015

NARA - UM PASSEIO POR ENTRE TEMPLOS E VEADOS


O dia começou com uma viagem de pouco mais de duas horas entre Tóquio e Kyoto, onde fiz uma curta escala para deixar a minha mochila no hotel que já trazia reservado, voltando logo depois a apanhar o comboio até à cidade de Nara.
Apesar de não ser uma grande metrópole, Nara tem um peso inegável na história do país, uma vez que foi a primeira capital do Japão.

quarta-feira, 8 de abril de 2015

TÓQUIO - NIHONBASHI, ROPPONGI & SHIBUYA

   

No meu derradeiro dia na capital japonesa decidi dormir até mais tarde e foi já depois das dez horas que pus os pés na rua. Como havia feito nas manhãs anteriores tomei o pequeno almoço numa loja de conveniência e, mais uma vez, caminhei até à estação central de Tóquio onde recolhi o meu Japan Rail Pass e reservei lugar no comboio do dia seguinte para Kyoto.
Depois de todos estes assuntos tratados estava pronto para desfrutar das últimas horas na cidade.