sexta-feira, 21 de outubro de 2016

.BARCELONA - ROTEIRO PARA 2 DIAS

O que visitar em Barcelona, Espanha - Roteiro

Que saudades tínhamos tuas Barcelona!
Foi em 2010 que pisámos pela última vez as tuas ruas cheias de cor e nas quais se respira uma energia contagiante. Nessa altura regressámos a casa com a certeza que iríamos voltar um dia, era só uma questão de tempo. 
Foi de forma instantânea que conquistaste os nossos corações, a tua beleza fez com que nos apaixonássemos por ti e nunca tentámos sequer esconder que cada ano que passava a vontade de te rever aumentava mais e mais.
O tempo foi passando e o nosso reencontro foi sendo adiado uma e outra vez. Mas agora estamos de volta e não podíamos estar mais felizes.
Barcelona é uma cidade que deve ser saboreada com requinte, e dois dias não serão mais que um pequeno "aperitivo" ao enorme banquete composto por história, arte e arquitetura que a capital da Catalunha tem para oferecer a quem a visita. 
Ainda assim achamos que 48 horas serão suficientes para ficar a conhecer minimamente alguns dos principais pontos turísticos.


.COMO CHEGAR
Atualmente e com as baixas tarifas "oferecidas" pelas companhias aéreas low-cost, o avião é sem dúvida a mais prática, rápida e cómoda maneira de chegar a Barcelona. 
  -A Ryanair tem voos diretos desde o Porto 
  -A Vueling tem voos diretos desde Lisboa e Porto
  -A Tap tem voos diretos desde Lisboa e Porto

.COMO SE DESLOCAR 
Para nós não há nada como conhecer uma cidade a pé e sempre que possível é isso que fazemos. Contudo para deslocações em que a distância é maior, optámos por utilizar o Metro que é extremamente rápido e chega aos principais pontos turísticos. 
De forma a incentivar o uso dos transportes públicos tanto pelos turistas como pelos habitantes locais, foi criado o T10, um bilhete que combina dez viagens e pode ser usado no Metro, Bus ou Comboio e tem um custo de 10,20 euros. A grande vantagem deste ingresso é pode ser utilizado por várias pessoas em simultâneo.

.DO AEROPORTO PARA O CENTRO E VICE VERSA
Existem diversas opções para realizar este trajeto, umas mais caras outras nem tanto.
  -TÁXI é sem dúvida a menos económica mas provavelmente a mais cómoda e rápida, contudo esse luxo tem um preço. Cerca de 25 euros desde o T2 e 30 euros desde o T1 até ao centro de Barcelona.
  -AEROBUS é um bus expresso que liga os terminais T1 e T2 ao centro da cidade. Este serviço tem um custo de 5,90€-ida e 10,20€-Ida/volta
  -COMBOIO situado a meia dúzia de passos do T2 é a solução mais económica e aquela que escolhemos para realizar este trajeto. O bilhete T10 pode ser usado neste serviço. 
.Do Terminal T1 existe um shuttle gratuito até à estação. 
Este serviço de comboio tem paragens nas estações de Barcelona SantsPasseig de Gràcia Clot, todas elas servidas pelo metro que vos transportará até ao destino escolhido. No caso de estarem a usar o T10 não será necessário votar a validar o ingresso.
  -O METRO através da nova linha L9 leva os recém-chegados até ao centro da cidade de Barcelona por 4,60€. O bilhete T10 não é valido para este serviço.

.O QUE VISITAR
Considerada por muitos a Capital do Modernismo e constantemente virada para o futuro, Barcelona orgulha-se de nunca se ter separado do cordão umbilical que a liga ao passado e ás tradições deixadas ao longo dos anos. 
Gaudi será com toda a certeza o nome mais ouvido durante uma viagem à capital da Catalunha e as obras deste homem que revolucionou por completo a arquitetura mundial são uma das imagens de marca da cidade.


.DIA 1

-PLAZA CATALUNYA

Esta grande praça rodeada de edifícios imponentes é literalmente o coração de Barcelona e na nossa opinião é também o ponto de partida ideal para começarmos a nossa visita. A partir deste local facilmente nos deslocamos para qualquer parte da cidade seja a pé ou de transportes públicos. 





-RAMBLAS
Não existe local em Barcelona com mais densidade populacional por metro quadrado do que a famosa La Rambla de Sant Josep. Esta congestionada avenida serve de fronteira entre o Bairro Gótico e o Bairro de Raval, estendendo-se por cerca de um quilómetro entre a Plaza Catalunya e o Mirador Colon
Lojas, restaurantes, cafés, vendedores ambulantes e animações de rua estão presentes um pouco por todo o lado, ao longo de toda a sua extensão.
Sabiam que milhares de pessoas caminham diariamente sem se aperceberem sobre um Mosaico de Joan Miró situado na Pla de L'Os





-MERCAT ST. JOSEP/LA BOQUERIA
Com uma localização privilegiada no centro das Ramblas, este é um local de grande movimentação turística e um dos pontos de passagem obrigatória para quem visita Barcelona. 
No interior do espaço o fluxo de pessoas (principalmente turistas) é impressionante. Mesmo que muitos não de desloquem aqui para fazer compras (talvez devido aos preços super inflacionados) a verdade é que mesmo com o intenso congestionamento que ali se vive, ninguém parece dispensar a visita ao mercado mais famoso da cidade.





-PALAU DE LA MÚSICA CATALANA
O Palau de la Música Catalana é uma esplêndida sala de concertos construída no início do século vinte. Situada a pouco mais de cinco minutos de marcha da Plaza Catalunya, este é para muitos um dos mais valiosos tesouros da arquitetura modernista de Barcelona e que com toda a justiça faz desde 1997 parte da lista exclusiva de locais classificados como Património Mundial da Humanidade da UNESCO.
Um local a não perder! 





-BAIRRO GÓTICO
O nome original é Barri Gòtic e é a área mais antiga da cidade. Foi literalmente aqui que nasceu Barcelona. 
Percorrer as suas ruas estreitas é como mergulhar na história da cidade, desde os tempos em que os Romanos andaram por aqui e a apelidaram de Barcino. 




-LOCAIS A NÃO PERDER NO BAIRRO GÓTICO: 
.Catedral de Barcelona
.Capella de Sta. Llúcia
.Plaça del Rei
.Playa Ramón Berenguer el Gran
.Templo de Augusto
.Ponte Medieval
.Plaça Sant Jaume
.Pati Llimona
.Praça Reial
.Casa de L'arcadia
.Plaça Sant Felip Neri
.Basilica dels Sants Màrtirs Just i Pastor




DICA: A entrada na Catedral de Barcelona é gratuita todos os dias entre as 8:00 e as 12:45 e entre as 17:45 e as 20:00. Fora deste horário o acesso só é permitido mediante um "donativo" de sete euros. 






-PARC MONTJUIC
Situado nas encostas da colina Montjuic, este enorme parque é por muitos considerado o pulmão da cidade e um local onde vale a pena passar pelo menos 2 ou 3 horas. A ascensão desde a zona baixa da cidade pode ser feita usando o Funicular que sai da estação de metro de Paral-lel. Ainda que o funicular seja a opção mais prática e rápida, na nossa opinião a melhor e mais bonita forma de atingir o topo é fazer o percurso a pé desde a Praça de España
Ao realizar esta caminhada (que em muitos locais é facilitada por escadas rolantes) vamos passando por alguns edifícios construídos em 1929 aquando da primeira Exposição Mundial realizada em Barcelona. Pelo caminho cruzamo-nos igualmente com diversas Fontes e Cascatas que povoam a encosta da colina e que terminam aos pés do Museu Nacional d'Art de Catalunha.
Toda a área superior do parque é ocupada pelas infra-estruturas criadas para os Jogos Olímpicos de 1992. 
Allena Olímpica, o Palau Sant Jordi, o Museu Olímpic i de L'esport, a Antena de Telefonica ou o Estadi Olípic Lluis Campanys são alguns dos locais que devem fazer parte da vossa lista de imperdíveis. 
Para completar a visita a Montjuic aconselhamos a passagem pelo Castelo de Montjuic assim como pelo parque temático El Poble Espanyol, construído para a Exposição Mundial e que reúne num único espaço réplicas em tamanho real de alguns dos edifícios mais marcantes da arquitetura espanhola espalhados pelo país. 








.DIA 2

-PARK GÜELL

O Park Güell é sem dúvida um local único e no qual Gaudi exprimiu toda a sua criatividade e fantasia. O espaço que hoje é uma das imagens de marca de Barcelona começou por ser um projeto de construção falhado de um abastado empresário local que num "ataque" de extravagância tentou converter uma área de floresta num complexo habitacional de formas exóticas. Contudo, o interesse no projeto acabou por ser quase nulo e a obra nunca foi concluída.
Em 1918 e numa altura em que o espaço se encontrava praticamente abandonado, o município de Barcelona adquiriu o terreno e transformou a zona num dos parques mais marcantes da cidade. 

DICA:
.Todos os dias das 6:00 até ás 7:59 é possível aceder gratuitamente à área Monumental do Parque,podendo permanecer no seu interior o tempo desejado. O importante é entrar antes das oito da manhã.
.Para aqueles que não gostam de acordar cedo aconselhamos a compra antecipada dos ingressos on-line no SITE OFICIAL. Desta forma evitam as filas enormes que se formam diariamente junto ás bilheteiras. Em certas alturas os bilhetes comprados à entrada esgotam em poucas horas.
.Para saber como entrar de forma gratuita no Park Güell clicar AQUI.








-BASÍLICA DA SAGRADA FAMÍLIA
Este é sem sombra de dúvidas o mais famoso projeto de Antoni Gaudi, e que devido à sua beleza e imponência se converteu no principal símbolo de Barcelona.
Foi em 1882 que se iniciou a construção desta obra colossal que ao longo dos anos tem crescido sempre respeitando as diretrizes deixadas pelo autor.
Se tudo correr como previsto, a Basílica estará concluída em 2026, altura em que se celebra o centenário da morte de Gaudi. 
De forma a evitar as filas e consequentemente uma perda de tempo extra, é aconselhável comprar antecipadamente os ingressos no SITE OFICIAL DA BASÍLICA.
Devido à grande popularidade deste local os bilhetes esgotam rapidamente.









-HOSPITAL DE SANTA CREU I SANT PAU
A meia dúzia de passos da Sagrada Família encontrámos quase por acaso esta imponente construção, inaugurada em 1930. O interior do espaço pode ser visitado e embora não o tenhamos feito por falta de tempo, a verdade é que este edifício onde atualmente funciona um museu, já se encontra na lista de locais a explorar na nossa próxima viagem a Barcelona. 




-CASA BATLLÓ
As cores e a fantasia arquitetónica desta que é uma das mais arrojadas obras de Gaudi não passam despercebidas a quem percorre o Passeig de Gràcia. Olhar para este edifício totalmente coberto de pequenos fragmentos de cerâmica de tons azul e verde é quase como admirar um quadro onde o mar é o elemento principal. 
Esta é outra das atrações turísticas com grande procura e para a qual terão alguma dificuldade em comprar bilhetes para a altura desejada.
De forma a organizar a vossa visita aconselhamos a compra antecipada dos ingressos no SITE OFICIAL.





-CASA MILÁ (LA PEDRERA)
Embora o seu nome original seja Casa Milá, a verdade é que praticamente toda a gente lhe chama La Pedrera. Esta designação foi-lhe dada devido à aparência grotesca da fachada principal.
Tal como a Casa Batlló também esta incrível obra de Gaudi, se encontra situada no Passeig de Gràcia. 
Mais informações e compra de ingresso no SITE OFICIAL.





-PARC DE LA CIUTADELLA E ARC TRIUNF
Este é o mais antigo e provavelmente o mais bonito parque de Barcelona. O espaço foi especialmente construído para a Exposição Universal de 1888 numa área antes ocupada por uma fortaleza, a Ciutadella. 
Espalhados pelo jardim encontram-se diversos edifícios construidos para a exposição, mas a grande atração é sem dúvida o grande lago alimentado pelas águas que escorrem da belíssima fonte em forma de cascata.
Este é o local ideal para passear calmamente ao final da tarde.





Este roteiro é composto pelas nossas escolhas pessoais e que esperamos vos possam ajudar numa futura viagem a Barcelona. Aqui estão alguns dos locais mais famosos e que não podem ficar de fora da vossa lista quando visitarem esta cidade fantástica. Existem talvez outros tantos que poderiam ser facilmente enumerados, mas achamos que todos os que foram acima mencionados serão suficientes para vos manter ocupados durante uma "escapadela" de fim de semana à capital da Catalunha.
É tão fácil gostar de Barcelona. Concordam?

.LEIA TAMBÉM: ROTEIRO COMPLETO PARA VIAJAR 12 DIAS DE CARRO NA ANDALUZIA

.OUTRAS CRÓNICAS SOBRE ESPANHA:

Pode acompanhar as nossas viagens e ver todas as fotos desde e outros destinos na página do Diário das Viagens no Facebook.


****Os preços e horários apresentados são referentes ao período da nossa passagem (outubro de 2016) e obviamente estão sujeitos a alterações.

2 comentários:

  1. Já existe metro desde o aeroporto- terminal 2

    ResponderEliminar
  2. Boas dicas...já fiz quase tdo.A fonte de Montjuic á noite tem espectaculo de som,agua e luz.Tb se pode ir a Monserrat apanhando o comboio na praça se Espanha.Ah....e Tibidabo.Tem uma vista linda de Barcelona e vai-se de metro...rápido.

    ResponderEliminar