sábado, 19 de outubro de 2019

.PERÚGIA - CONHECER A MENINA BONITA DA REGIÃO DA ÚMBRIA


Estou mais uma vez em Itália e a cidade de Perúgia foi o local escolhido para me reencontrar com este país que tão bem me recebe e que parece nunca desiludir. A capital da Úmbria é só mais um bonito recanto deste local onde me sinto em casa e que a cada nova visita me enche de certezas de que em mim já mora uma pequena face Italiana. Chego e comigo já não carrego qualquer tipo de expectativas, limito-me somente a entrar no ritmo e a fazer parte deste mundo repleto de história, de comida deliciosa e de pessoas incríveis. 
Ainda que não tenha o impacto histórico de Roma, a personalidade de Nápoles ou o romantismo de Veneza, esta pequena cidade situada no centro do país tem decididamente uma energia especial, transportada talvez pelos ventos que sopram da vizinha Toscana
Ao contrário do que é habitual, aqui não encontramos histórias do passado escritas em ruínas de templos colunados, ocupadas temporariamente por visitantes de ocasião. Em Perúgia o passado segue abraçado ao presente e podemos percorrê-lo, tocá-lo e até senti-lo enquanto nos embrenhamos pelas ruas labirínticas do centro histórico onde as personagens de hoje se passeiam pelos cenários de outrora.

Nas derradeiras semanas de um verão que se pautou pela instabilidade climática, fomos recebidos por temperaturas abaixo da média para a estação ainda que o sol nunca se tenha coibido de estar presente. A meteorologia ajudou e o charme da cidade fez o resto...











.COMO CHEGAR
Ainda que a cidade seja servida por um aeroporto, a verdade é que esta opção será de difícil execução para quem tem Portugal como ponto de partida. Não existem ligações diretas desde o nosso país e os voo's via outras cidades implicam por vezes escalas de longas horas.
A forma mais prática de chegar a Perúgia será muito provavelmente através de cidades como Florença ou Roma onde poderá apanhar o comboio e chegar em pouco mais de duas horas. 

.QUANTO TEMPO FICAR
Na nossa opinião, achamos que dois dias serão necessários para ficar a conhecer o melhor que Perúgia tem para oferecer. Contudo se pretender aprofundar um pouco mais a sua visita e lançar-se à descoberta da região da Umbria, pensamos que deverá prolongar a sua estadia por mais algum tempo.

.O QUE VISITAR
Antes de tudo é bom lembrar que o centro histórico de Perúgia se estende ao longo das encostas de uma colina, fazendo com que a visita a esta área de cidade o obrigue a percorrer uma boa dose de subidas e descidas. Ainda que as ladeiras e escadarias sejam em número considerável, isso não deverá ser visto como um impedimento para se lançar à conquista de todos os recantos da cidade. Durante o seu passeio irá certamente cruzar-se com bonitos palácios, praças, fontes e igrejas... muitas igrejas.

 10 LOCAIS QUE DEVERÁ INCLUIR NO SEU ROTEIRO POR PERÚGIA

.PIAZZA IV DE NOVEMBRE
Este grande e lindíssimo espaço público é o coração da cidade e o local onde tudo parece acontecer. Uma vez que ao seu redor se encontram alguns dos principais locais de interesse que fazemos referência nesta lista, sugerimos que faça desta bonita praça o ponto de partida para a sua visita a Perúgia. 
Antes de se lançar à descoberta da cidade sente-se numa das escadarias ali existentes e aprecie a beleza de cada uma das construções que tem à sua volta.




.FONTANA MAGGIORE
A peça central da Piazza IV de Novembre é esta bonita fonte de mármore, construída no final do século XIII. Ainda que atualmente a água que dela brota provenha da rede pública, a obra surgiu para comemorar e aproveitar a água trazida por uma aqueduto situado na zona alta da cidade.




.CATEDRAL DI SAN LORENZO (DUOMO)
Se o aspeto exterior não impressiona, o mesmo não se pode dizer do que o visitante encontrará assim que passar pelo enorme portal de madeira que assinala a entrada. Os vitrais coloridos, a nave central suportada por enormes colunas de mármore e os frescos que cobrem uma boa parte das paredes e os tetos são motivos mais que suficientes para visitar este que é o mais importante local de culto da cidade. 
Sugerimos que para além da Catedral aproveite para visitar algumas das muitas igrejas espalhadas pela cidade.




.MUSEO DEL CAPITOLO DELLA CATTEDRALE DI SAN LORENZO
O acesso a este interessante museu é feito através do claustro da Cattedrale di San Lorenzo. Nos dois pisos superiores o espaço é quase na sua totalidade ocupado por uma valiosa coleção de obras de arte sacra. Caso pretenda, a visita pode ser complementada com uma passagem pela área arqueológica situada sob uma boa parte da catedral e na qual temos acesso a bem conservados vestígios que testemunham a presença das civilizações Etrusca e Romana na cidade.
-O ingresso para o Museu tem um custo de 6 euros.
-O ingresso à área arqueológica tem um custo de 10 euros.
-Existe a opção de bilhete combinado que dá acesso a ambos os locais e que tem um custo de 13 euros.




.PALAZZO DEI PRIORI
Este é provavelmente o edifício mais impressionante presente na Piazza IV de Novembre. No interior daquelas enormes paredes de onde se destacam as diversas janelas trabalhadas, estão instalados alguns pontos de interesse que sugerimos que visite durante a sua passagem por Perúgia. Para além da Sala de Audiências à qual poderá aceder de forma gratuita, aproveite para conhecer também o Colégio del Campo e delicie-se com os magníficos frescos existentes em ambos os locais.




.GALLERIA NAZIONALE DELL'UMBRIA
Visitar este museu é fazer uma incrível viagem através da mais completa coleção de arte do país, criada entre os séculos XIII e XIX. Pinturas, esculturas, cerâmicas e peças de joalharia da autoria dos mais prestigiados artistas da época testemunham a riqueza de um dos períodos mais importantes da história de Itália.
-O ingresso tem um custo de 8 euros, mas se visitar Perúgia no primeiro domingo de cada mês poderá aceder ao espaço de forma gratuita.




.ARCO ETRUSCO
Este que é o mais bem conservado ponto de aceso ao interior da muralha que rodeia a cidade também é conhecido por Arco Augusto, e esta designação advém do facto de ter sido o antigo imperador a ordenar a sua restauração durante a sua passagem por Perúgia. 
Sobre o enorme portal de pedra ainda são visíveis as palavras Augusta Perusia, designação pela qual a cidade era conhecida no passado.




.VIA DE'LL ACQUEDOTTO
O que hoje é uma das mais bonitas artérias pedonais da cidade foi em tempos o principal ponto de abastecimento de água da população local. Uma boa parte deste antigo aqueduto medieval transformou-se depois da sua desativação num ponto de passagem obrigatória para todos aqueles que visitam Perúgia. 




.ROCCA PAOLINA
Trata-se de uma antiga e impressionante fortaleza que se estende sobre uma boa parte da cidade atual. Esta área encontra-se aberta ao público e é composta por diversos níveis que albergam um sem número de galerias e através da qual podemos facilmente deslocar-nos entre a zonas alta e baixa da cidade. Um dos acessos ao espaço é feito por umas escadas rolantes situadas sobre as arcadas existentes na Praça de Itália.




.MUSEO NAZIONALE ARCHEOLOGICO DELL'UMBRIA
É no interior deste bonito espaço que está instalado aquele que na nossa opinião é o mais interessante museu da cidade. Nas diversas salas situadas ao redor do claustro do antigo Convento de S.Domingos, estão expostos valiosos tesouros arqueológicos, que nos ajudam a compreender melhor a história e o passado não só de Perúgia mas também de toda a região da Úmbria. 
-O ingresso tem um custo de 4 euros, mas se visitar Perúgia no primeiro domingo de cada mês poderá aceder ao espaço de forma gratuita.



Perúgia é na nossa opinião um ótimo destino para uma escapadela de fim de semana. Pode-se dizer que é ainda um local sem grandes enchentes de turistas, perfeito para descobrir de forma tranquila, sem filas nem apertos constrangedores.
Se pretender conhecer um pouco mais a região da Úmbria sugerimos uma visita ás cidades de Assis, Cortona, Corciano assim como ao Lago Trasimeno.

-OUTRAS CRÓNICAS SOBRE ITÁLIA:


  Pode acompanhar as nossas viagens e ver as fotos deste e de outros destinos na pagina do Diário das Viagens no Facebook.

Sem comentários:

Publicar um comentário