quinta-feira, 29 de junho de 2017

.COIMBRA-UMA CIDADE COM OS PÉS NO PASSADO MAIS DE OLHOS POSTOS NO FUTURO


Numa conversa de café,um senhor de bigode farto e patilhas a condizer,expressa-nos o seu orgulho de ter nascido nesta cidade e com ela ter crescido e aprendido a viver com as mudanças e com o aumento dos turistas.
A certa altura e já com visível confiança,aquele homem de discurso fácil acaba por soltar algumas inconfidências.
"Alguns têm um aspecto esquisito,outros parecem baratas tontas...perdidas com tanta beleza".
...e continuando:
"Primeiro eram os estudantes que davam vida à cidade,mas agora esses já não têm força para fazer frente aos estrangeiros que chegam todos os dias.Isto no verão enche-se de gente...é uma alegria!".



De facto,houve tempos em que a mais antiga universidade do país era o ganha pão de muitas das famílias da região e um pouco por todo o lado foram aparecendo pequenas pensões que acolhiam os jovens que se esforçavam para garantir a sabedoria necessária e quem sabe...o tão desejado canudo.
Atualmente os estudantes ainda por cá andam e continuam a fazer parte do dia a dia da cidade,mas já sem o impacto do passado.Os anos passaram,o turismo foi ganhando dimensão e as pensões de outros tempos acabaram transformadas em hotéis mais ou menos sofisticados,de forma a satisfazer as necessidades dos turistas estrangeiros e nacionais.As tascas onde todas as noites os jovens se juntavam,acolhem agora cafés onde com um pouco de sorte se pode ouvir cantar o tradicional fado de Coimbra.





Apesar das marcas e memórias de outros tempos ainda permanecerem bem vivas e espalhadas pelas ruas labirínticas do centro histórico,Coimbra não adormeceu à sombra das glórias e feitos do passado,continuando bem viva e de olhos postos no futuro,sentido-se aqui e ali um certo ambiente cosmopolita...mas sem exageros!





Contudo é a história que atrai e faz chegar visitantes,e nesse campo Coimbra é rica em monumentos,igrejas,museus e recantos que testemunham a sua grandeza ancestral.
A nossa passagem pela cidade acabou por ser de certa forma rápida,mas mesmo assim conseguimos reunir uma pequena lista de locais que não podem de forma alguma ficar de fora do roteiro de quem a visita.

.Largo da Portagem
Esta é sem dúvida uma das mais movimentadas praças da baixa de Coimbra.Ao centro ergue-se a estátua de Joaquim António de Aguiar,que acaba por passar despercebida no meio das várias esplanadas dos cafés e restaurantes existentes.É igualmente neste local que se inicia a rua Rua Ferreira Borges,a mais comercial artéria da cidade.



.Igreja e Mosteiro de Sta.Cruz
Este bonito complexo religioso situado numa das zonas mais movimentadas de Coimbra foi um dos locais que mais nos fascinou.Se no exterior o movimento e o ruído são uma constante,lá dentro o silêncio é dono e senhor deste espaço sagrado onde a qualquer hora do dia os fieis vêm realizar as suas orações.
A entrada na Igreja é gratuita ao passo que para aceder ao mosteiro é necessário adquirir um ingresso que na nossa opinião vale cada um dos três euros pagos.



.Jardim da Manga
Um jardim que na realidade é uma praça ocupada por uma estranha mas bonita fonte e ao redor da qual estão "plantadas" algumas esplanadas onde nas tardes de calor sabe bem sentar e beber um refresco enquanto observamos o pouco movimento existente.


.Complexo Universitário
Por estes edificios de arquitectura variada situados na zona alta,já passaram uma infinidade de jovens estudantes que em Coimbra adquirem a sabedoria desejada para um futuro profissional ao mais alto nível.
Atualmente são já mais de 700 anos de tradições e costumes que transformam a Universidade de Coimbra na mais antiga do país e consequentemente num dos marcos históricos mais importantes da cidade.
Além de caminhar por entre os edificios carregados de memórias do passado,sugerimos que não deixe de visitar a extraordinária Biblioteca Joanina e suba ao topo da Torre do Relógio de onde irá ter uma fabulosa vista sobre a cidade e de grande parte do vale do Mondego.



.Quinta das Lágrimas
A cidade de Coimbra está inevitavelmente ligada à história de D.Pedro e Inês de Castro,e segundo reza a história foi neste local que a fidalga conheceu o seu trágico destino.
A Fonte dos Amores marca o sítio onde Inês de Castro foi assassinada.
Atualmente este espaço é ocupado por um luxuoso hotel,sendo possível passear pelos jardins sem qualquer problema.



.Sé Velha
Considerada um dos mais bonitos exemplos da arquitectura romana em Portugal,este local de culto situa-se numa pequena praça a meio caminho entre a zona baixa e a Universidade.
Apesar da beleza envolvente ser inquestionável,achámos que os muitos carros estacionados de forma negligente ao redor do monumento,não permitem que os visitantes  tenham a verdadeira noção da sua beleza exterior.



.Museu Nacional de Machado de Castro
Re-inaugurado em 2012 e depois de vários anos de encerramento devido a trabalhos de modernização,este espaço bastante bem conseguido é atualmente considerado um dos mais importantes museus de belas artes de Portugal.


.Sé Nova
Apesar do nome nos fazer querer que este monumento possa ter sido erguido num período relativamente recente,a verdade é que a construção da Catedral nova de Coimbra foi concluída no longínquo ano de 1698.
Situada a dois passos do complexo universitário e a meia dúzia de metros do Museu Nacional de Machado de Castro,a Sé Nova continua a ser um dos locais de culto mais procurados pelos fieis da cidade de Coimbra.



.Jardim Botânico 
Este espaço situado no coração da cidade é atualmente gerido pela Universidade de Coimbra,contudo a sua origem deve-se ao Marquês de Pombal que em 1772 aqui mandou construir um grandioso jardim,com o objectivo de aperfeiçoar o estudo da botânica no nosso país.



.Portugal dos Pequenitos
Aqui tudo foi feito e pensado em miniatura.
Tal como o nome indica,este espaço foi criado de forma a recriar os principais ícones do nosso país numa escala adaptada aos mais pequenos.
Este espaço que me transporta para a minha infância é sem dúvida um dos locais mais fantásticos de Coimbra e ao longo dos anos tem feito as delícias de miúdos e graúdos.



.Mosteiro de Sta.Clara-a-Velha
O edifício que hoje vemos em ruína parcial,data do final do século XIII e na altura em que foi construído teve o condão de ser uma das primeiras experiências da arquitectura gótica no nosso país.
A sua localização (a poucos metros das margens do Rio Mondego) acabou por ser,desde o início um enorme problema,pois as constantes enchentes daquele braço de água,invadiam de forma consecutiva este espaço o que fez com que se começasse a pensar numa solução.
Primeiro o monumento sofreu obras de adaptação que nunca resolveram verdadeiramente o problema,tendo sido mais tarde planificado um outro edifício numa zona mais elevada.
Foi desta forma que nasceu o Mosteiro de Santa Clara-a-Nova.


.Mosteiro de Sta.Clara-a-Nova
Na margem esquerda do Rio Mondego situa-se um dos espaços religiosos mais importantes da cidade.
Além da lindíssima Igreja,ricamente decorada com vistosos vitrais,é igualmente possível prestar homenagem à Rainha Santa Isabel que se encontra sepultada neste local.
A visita ao mosteiro engloba também uma passagem pelos claustros onde nos dias de calor sabe bem caminhar sobre as arcadas de pedra,situadas ao redor de um bonito jardim e que tantas histórias ouviram ao longo dos séculos.


Esta lista é acima de tudo uma escolha pessoal e existirão com certeza outros locais que de uma ou outra forma poderão ser incluídos no roteiro de quem visita esta lindíssima cidade.
Coimbra merece ser visitada,sentida e saboreada.

-Informações Práticas
.Posto de Turismo de Coimbra
Largo da Portagem 3000-337 Coimbra
Telefone:+351 239 488 120
.e-mail:geral@turismodocentro.pt
.Site:http://www.turismodocentro.pt

-Onde Dormir
Depois de alguma pesquisa descobrimos o Hotel Ibis que se revelou a opção certa para a nossa curta mas proveitosa estadia na cidade de Coimbra.
A localização é perfeita,a não mais de cem metros do Largo da Portagem e a dois passos das margens do Rio Mondego.
O complexo da Universidade mais famosa do país alcança-se facilmente a pé,assim como a bonita e antiga Sé velha.

Podem acompanhar as nossas viagens e ver as fotos deste e de outros destinos na pagina do Diario das Viagens no Facebook.

Sem comentários:

Enviar um comentário