quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

.GILI MENO,INDONÉSIA-A VIDA ENTRE A PRAIA E UMA CABANA


Foi em Gili Meno que escolhemos dar por terminado o nosso périplo pelas paradisíacas ilhas Gili,situadas a poucos quilómetros da costa oeste de Lombok.
Depois de  Gili Trawangan e Gili Air,chegámos a Gili Meno para mais um par de dias que se não se anunciavam muito diferentes dos anteriores.
De todas,esta é definitivamente a menos turística e aquela onde devido à escassa presença de visitantes tivemos a oportunidade de em certas ocasiões nos sentimos quase como os únicos ocupantes daquele paraíso perdido nas águas cristalinas do Mar de Bali.







Por aqui as infra-estruturas são ainda bastante limitadas.Para quem escolhe Gili Meno para uns dias de descanso é importante ter em conta que restaurantes e opções de alojamento são ainda escassos assim como a inexistência de maquinas ATM.Por este motivo as taxas de cambio acabam por ser bastante desvantajosas para quem como nós não chegou prevenido com dinheiro suficiente.








Sem surpresas,grande parte do tempo era passado numa das muitas praias desertas onde por vezes o relógio parecia avançar ao ritmo das pequenas vagas que beijavam o areal.Sob a sobra das muitas palmeiras que nos protegiam do sol abrasador,dividíamos o tempo entre mergulhos naquele mar azul e refrescantes cervejas que tinham o condão de restabelecer a temperatura corporal.
A verdade é que mesmo quando a chuva resolveu aparecer e dar um ar da sua graça,Gili Meno não perdeu o seu encanto e naqueles momentos em que o céu se cobriu de nuvens cinzentas aproveitámos para percorrer os caminhos interiores da ilha,onde a população vive quase indiferente aos poucos turistas que por ali se passeiam.


.COMO CHEGAR?
-Seja para quem se encontra em Bali ou Lombok é extremamente fácil chegar tanto a Gili Meno como ás ilhas Gili vizinhas.
Praticamente todos os transfere's incluem transporte de bus desde o hotel em Kuta,Ubud ou Amed até ao porto de Padang Bai,local onde a viagem continua de barco por mais um par de horas até ao areal da ilha escolhida.
Este serviço tem um custo que varia entre 200.000 IDR e 350.000 IDR.

-O transporte entre as ilhas Gili é assegurado duas vezes por dia por uma embarcação local e tem um custo que oscila entre 35.000 IDR e os 40.000 IDR.
Este trajecto dura aproximadamente 30 minutos.
-Tivemos a informação não confirmada de que por 100.000 IDR existe um barco rápido que realiza este mesmo serviço de hora a hora,permitindo a deslocação em cerca de 10 minutos.

-OUTRAS CRÓNICAS SOBRE A INDONÉSIA:

  Podem acompanhar as nossas viagens e ver as fotos deste e de outros destinos na pagina do Diário das Viagens no Facebook.

Sem comentários:

Enviar um comentário